Queijos Finos Witmarsum

RACLETTE


Até hoje, frequentemente, há discussões sobre a origem deste queijo. Será a Suiça francesa (região dos vales), ou será a vizinha da França (região Savoie). Uma coisa é certa: vem das montanhas. Não é de estranhar que o queijo Raclette Witmarsum, a uma altura de mil metros acima do nível do mar, assemelha-se ao original. A arte requintada de produção deste queijo dá-lhe o aroma especial e faz com que a qualidade de derreter seja superior. Como todo o queijo de Witmarsum, este não pode faltar em nenhuma tábua requintada. Ele pode ser fundido em microondas ou no aparelho original de raclette.

Preparo:
Existem duas formas de preparo
1) Em microondas, usando a metade de um queijo
2) Em racleteira de mesa.

Porções por pessoa e acompanhamento:
150 a 200 gr de queijo Raclette 3 a 5 batatas cozidas (com casca) médias
3 a 5 pepinos em conserva pequenos ou médios
10 a 15 cebolas em conserva
Abacaxi em cubos (facultativo)
Pimenta do reino
Páprica suave ou forte
Use sua criatividade na hora de escolher os acompanhamentos.
Bebida: recomenda-se como acompanhamento ideal um bom vinho branco seco, ou um tinto suave (não muito doce).
Utensílios: pratos médios, faca e garfo
O preparo em microndas requer um certo tempo, sendo servido uma pessoa após a outra, por isso aconselhamos ter á disposição como aperitivo alguma variedade de frios (salame, etc...)


<- voltar